Para instalação do Facebook Messenger, Facebook vai removido a função de chat


O Facebook Messenger existe para iOS e Android há tempos, mas sempre foi opcional, afinal, o aplicativo oficial da rede social também suporta mensagens instantâneas. Donos de smartphones ou tablets Android e dispositivos rodando iOS ganharam a opção de usar um aplicativo dedicado para bater papo via Facebook, chamado convenientemente de Facebook Messenger. Mas isso está prestes a mudar: vários usuários estão recebendo um aviso do Facebook que afirma que o app principal irá perder a função de chat em breve.

Com a mudança, o aplicativo do Facebook continuará exibindo um botão para o chat, mas este, quando acionado, abrirá imediatamente o Facebook Messenger. Se o app de chat não estiver instalado, o usuário verá um aviso para fazê-lo.

Haverá algumas exceções, pelo menos por algum tempo: usuários com smartphones Android mais antigos ou com menos memória continuarão podendo acessar o chat pelo aplicativo principal do Facebook. O mesmo vale para aparelhos baseados no Windows Phone, mesmo que já exista Messenger para esta plataforma, e tablets.

Jogar o usuário de um aplicativo para o outro é uma estratégia um tanto quanto estranha, mas o Facebook usa o fator engajamento para justificar esta decisão. Na visão da empresa, os demais recursos do app oficial fazem com que o usuário interaja menos por mensagens instantâneas, uma vez que a função de chat é “anexada”, ou seja, não fica visível constantemente tal como na interface web.

O usuário deverá ficar mais focado na troca de mensagens, como o Facebook Messenger é um aplicativo específico para chat. Mas, mesmo que a experiência de uso desta função melhore, muita gente ficará incomodada por ter mais de um aplicativo do Facebook em seu smartphone quando antes era necessário um só.

Facebook chat

Facebook chat

O Facebook não irá reconhecer isso, mas é provável que esta decisão, na verdade, seja uma medida extrema para tentar popularizar o Messenger. A companhia pode ter conseguido tomar as rédeas do segmento de mensagens instantâneas ao desembolsar bilhões de dólares pelo WhatsApp aplicar, mas serviços como Kik, WeChat e Line continuam incomodando e, para estes, a arma mais apropriada é o Messenger.

Se esta estratégia de atacar por todas as frentes não der certo, a gente já pode até especular: ainda que a empresa tenha prometido não fazer mudanças bruscas neste último será que o próximo passo não será integrar o Facebook Messenger com o WhatsApp?

Você quer usar Facebook, por favor clique para baixar facebook

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>